Notícias

14 OUT
[Viva Dulce reúne lives de artistas da música em prol das Obras Sociais Irmã Dulce]

Viva Dulce reúne lives de artistas da música em prol das Obras Sociais Irmã Dulce

Evento online acontecerá de 23 a 25 de outubro e visa arrecadar recursos para a aquisição de equipamentos para o Hospital da Criança, da instituição do Anjo Bom


Redação Fé Católica
[email protected]

O Viva Dulce, evento beneficente em prol das Obras Sociais Irmã Dulce (OSID), acontece entre os dias 23 e 25 de outubro, reunindo grandes nomes do cenário musical. Devido à necessidade de distanciamento social por conta da pandemia do novo Coronavírus, a terceira edição do evento, será realizado em formato de lives, com shows online de Adelmario Coelho, com participação de Carlinhos Brown (23/10, às 19h30); Waldonys (24/10, às 19h30); e do maestro Roberto Laborda e a OSBA - Orquestra Sinfônica da Bahia (25/10, às 17h30). 

Todas as lives do Viva Dulce serão transmitidas pelo YouTube das Obras Sociais Irmã Dulce (www.youtube.com/ObrasSociaisIrmaDulce) e do Santuário Santa Dulce dos Pobres (www.youtube.com/SantuarioSantaDulceDosPobres).
 

Este ano, o Viva Dulce tem como objetivo arrecadar recursos para a aquisição de novos equipamentos para o Hospital da Criança (HC), unidade da OSID onde anualmente são internados mais de 5 mil pacientes, proporcionando assim um atendimento ainda mais humanizado aos pequenos. A campanha visa à aquisição de um venoscópio e um aparelho de ultrassonografia portátil, equipamentos orçados em cerca de R$ 100 mil, que permitem a localização de vasos com precisão, o que em uma unidade de atendimento pediátrica torna o procedimento de punção venosa mais ágil, seguro e menos traumático para os pacientes.

 

As doações poderão ser feitas durante as lives, através de um QR Code que será exibido na tela no decorrer das apresentações. Quem quiser antecipar as contribuições à campanha, também pode doar agora mesmo através de depósito bancário, a partir dos seguintes dados:

Banco Bradesco (237)
Agência: 2864-9 (Bradesco Empresas)
Conta corrente: 11.403-0
Razão Social: Associação Obras Sociais Irmã Dulce
CNPJ: 15.178.551/0001-17
 

Repertório e Homenagens 

Unidos pelo propósito de ajudar a perpetuar o legado de amor e serviço de Irmã Dulce, os artistas do Viva Dulce – que além da música, têm em comum a admiração pelo Anjo Bom do Brasil – trarão repertórios especiais para os shows, acompanhados de muita emoção e de homenagens à Santa. Abrindo a maratona de lives, no dia 23 (sexta-feira), um dos grandes cantores de forró do Brasil e representante da autêntica música nordestina, Adelmario Coelho trará seus maiores hits, como “Não fale mal do meu país”, além de canções que viraram sucesso na sua voz, como “Ô neném” e “Anjo Querubim”, com transmissão direta do Cerimonial Rainha Leonor, em Salvador. Na mesma noite, o cantor, compositor e instrumentista Carlinhos Brown faz uma participação especial cantando “Louvada Seja Dulce”, música de sua autoria em homenagem ao Anjo Bom.

 
Já no dia 24 (sábado), com transmissão direta de Fortaleza, os acordes da sanfona do artista cearense e Embaixador de Irmã Dulce, Waldonys, prometem puxar canções como “Doce Luz”, de Léo Passos e Chico Gomes, que virou o hino da Canonização de Irmã Dulce, em 2019, além de hits de sua carreira, como “Sonho de Ícaro” e “Ninguém te fez voar” e clássicos dos mestres Dominguinhos e Luiz Gonzaga. 

Fechando o Viva Dulce, dia 25 (domingo), o maestro e compositor baiano Roberto Laborda se apresenta com a Orquestra Sinfônica da Bahia, com transmissão diretamente da Sala Principal do Teatro Castro Alves (TCA). Residindo na Europa há quase 20 anos, Laborda fará sua primeira apresentação em Salvador, sua terra natal, trazendo obras que compõem a ópera “Irmã Dulce”. Considerada um dos trabalhos mais marcantes de Roberto Laborda, a ópera dedicada à Mãe dos Pobres foi apresentada como concerto em Roma (Itália), durante as celebrações pela canonização de Santa Dulce, em outubro de 2019.

Foto: Divulgação | OSID