Notícias

30 SET
[Irmã Dulce será canonizada pelo Papa Francisco em cerimônia no Vaticano no dia 13 de outubro]

Irmã Dulce será canonizada pelo Papa Francisco em cerimônia no Vaticano no dia 13 de outubro

A bem-aventurada Dulce dos Pobres, conhecida popularmente como Irmã Dulce se tornará santa no dia 13 de outubro de 2019, em uma celebração presidida pelo Papa Francisco, no Vaticano, em Roma. Após a cerimônia, Santa Dulce dos Pobes se tornará a primeira mulher nascida no Brasil canonizada pela Igreja Católica.

Segundo informações do Vaticano, além de Irmã Dulce, no mesmo dia, durante o Sínodo da Amazônia, serão canonizados outros quatro santos. Entre eles, está o cardeal inglês John Henry Newman, um dos principais intelectuais cristãos do século 19, que foi pastor anglicano, mas, ao longo de seus estudos, acabou se convertendo ao catolicismo. 

O Vaticano anunciou a canonização de Irmã Dulce em maio deste ano, quando um segundo milagre atribuído à religiosa, também conhecida como “O Anjo bom da Bahia”, foi reconhecido por meio de decreto.

A canonização de Irmã Dulce será a terceira mais rápida da história (27 anos após seu falecimento), atrás apenas da santificação de Madre Teresa de Calcutá (19 anos após o falecimento da religiosa) e do Papa João Paulo II (9 anos após sua morte).

A beata levará o nome santo de Santa Dulce dos Pobres e seu dia será celebrado sempre no dia 13 de agosto, a partir de 2020.