Notícias

08 ABR
[II Seminário Sanando as próprias feridas inicia nesta quinta (8)]

II Seminário Sanando as próprias feridas inicia nesta quinta (8)

O II Seminário é organizado pela Comissão Especial de Proteção da Criança e do Adolescente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), pela Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB) e pelo Núcleo Lux Mundi

 

Redação Fé Católica

[email protected]

 

A partir desta quinta-feira, até sábado, 10 de abril, a Comissão Especial de Proteção da Criança e do Adolescente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), a Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB) e o Núcleo Lux Mundi realizam o II Seminário Sanando as próprias feridas. Esta edição vai aprofundar o pedido de conversão e promoção de ações concretas, expresso na Carta Apostólica “Vos Estis Lux Mundi”, do Papa Francisco, com ênfase em três tópicos:

 

- Escuta e cuidado das vítimas no seu aspecto pastoral e espiritual, visando à cura das feridas e a reconciliação;

 

- Enfrentamento de casos de denúncias e seus aspectos jurídico e canônico;

 

- Orientação na elaboração de Diretrizes para a proteção da criança, do adolescente e da pessoa em vulnerabilidade na Igreja do Brasil.

 

De acordo com a médica pediatra e presidente do Núcleo Lux Mundi, Eliane De Carli, “O seminário tem como proposta tratar questões relacionadas ao Moto Próprio “Vos Estis Lux Mundi”, na perspectiva paradigmática da prevenção da violência sexual em face de crianças, adolescentes e pessoas vulneráveis e de ambientes seguros no âmbito da Igreja no Brasil”, destaca.

 

O seminário vai contar com a presença de professores brasileiros e de um Grupo de Trabalho da “Pontifícia Comissão de Proteção do Menor”, sediada em Roma.

 

Participam também o arcebispo de Boston e presidente da Comissão Pontifícia para a Tutela dos Menores, cardeal Sean Patrick O’Malley;

 

o bispo auxiliar de Brasília (DF), dom José Aparecido Gonçalves;

 

Teresa Kettelkamp (USA);

 

a professora doutora Josiane Rose Petry Veronese;

 

o consultor jurídico da CNBB, Frei Evaldo Xavier Gomes;

 

e o padre Hans Zollner (Alemanha)

 

Em 2019, a primeira edição do encontro aprofundou, com Padre Hans Zollner, questões relacionadas à violência sexual em face de crianças e adolescentes cometidos por membros da Igreja e suas repercussões.

 

Com informações e foto da CNBB