Notícias

27 MAR
[Hoje faz 4 anos do falecimento de Madre Angélica, fundadora da EWTN]

Hoje faz 4 anos do falecimento de Madre Angélica, fundadora da EWTN

Em 27 de março de 2016, faleceu Madre Maria Angélica da Anunciação, religiosa Clarissa fundadora de Eternal Word Television Network (EWTN), a maior rede de televisão católica do mundo.

Madre Angélica faleceu por volta das 5h, aos 92 anos, após lutar por 15 anos contra as sequelas de um derrame cerebral.

Em julho de 2016, o Papa Francisco disse que Madre Angélica era “uma mulher santa”.

Rita Rizzo – nome que seus pais deram a Madre Angélica – nasceu em 20 de abril de 1923, na cidade de Canton, estado de Ohio (Estados Unidos). Sua vida esteve marcada por muitas provações, como o divórcio de seus pais quando tinha seis anos e a situação de pobreza que enfrentou com sua mãe.


Na sua adolescência, foi curada de dores severas no estômago, depois de rezar uma novena a Santa Teresa do Menino Jesus. “Neste dia eu percebi o amor de Deus por mim e comecei a ter sede de Deus”, disse Madre Angélica.

No dia 15 de agosto de 1944, aos 21 anos, Rita ingressou na ordem das Clarissas Pobres da Adoração Perpétua, em Cleveland, Ohio, e tomou o nome de Irmã Maria Angélica da Anunciação.

Na década de 1950, sofreu um acidente que causou uma lesão nas costas. Dois anos depois, os médicos lhe disseram que poderia perder o movimento das pernas. Madre Angélica prometeu a Deus que se a curasse construiria um mosteiro no sul dos Estados Unidos.

A religiosa foi curada e, no dia 3 de fevereiro de 1961, Roma concedeu à Irmã Angélica a permissão de fundar um mosteiro no Alabama. O nome viria a ser Mosteiro de Nossa Senhora dos Anjos, em Irondale, Alabama. Uma cidade cuja população católica era de apenas 2%.

Com os anos, Madre Angélica se tornou conhecida como uma carismática evangelizadora. Mas, em 1978, após saber que a estação secular em que trabalhava planejava emitir um programa blasfemo, renunciou e decidiu começar sua própria estação.

Em 15 de agosto de 1981, Madre Angélica lançou a EWTN da garagem da casa das religiosas, com aproximadamente 20 empregados.

Hoje, a EWTN transmite uma programação 24 horas por dia a mais de 258 milhões de lares em 144 países e conta com cerca de 400 funcionários.

Além disso, atualmente a EWTN maneja um catálogo de artigos religiosos e publica o Nathional Catholic Register e o Grupo ACI, entre outras empresas editoriais.

Fonte: ACI Digital
Foto: ACI Digital