Notícias

24 NOV
[Diocese de Juazeiro abre o Jubileu de Diamante]

Diocese de Juazeiro abre o Jubileu de Diamante

A abertura ocorreu no encerramento do 2º Congresso Eucarístico

Redação Fé Católica 

[email protected] 

No encerramento do 2º Congresso Eucarístico, a Diocese de Juazeiro declarou oficialmente aberto, no domingo (21), o ano do Jubileu de Diamante na na Igreja matriz da Paróquia N. Sra. Aparecida. 

O Jubileu de Diamante celebra o aniversário de 60 anos da igreja juazeirense que será comemorado em novembro de 2022.  A fim de evitar aglomerações, o Congresso foi aberto a participação presencial apenas dos ministros extraordinários da comunhão, mesmo assim a matriz, local escolhido para o encontro, ficou repleta de ministros para a celebração da Eucaristia. 

O congresso foi realizado em duas etapas: pela manhã, com participação apenas online, houve palestras e canções animadas pelo padre salesiano João Carlos; no período da tarde, os ministros da comunhão de todas as paróquias da diocese chegaram ao evento. O bispo Dom Hernaldo, de Senhor do Bonfim, na Bahia, falou sobre o tema central "A Eucaristia faz a Igreja". 

O Congresso foi encerrado no final da tarde com a Santa Missa, presidida pelo bispo da diocese de Juazeiro, Dom Beto Breis. Em sua homília, Dom Beto decalrou aberto oficialmente o Jubileu de 60 anos da Diocese, criada em 1962 pelo Papa São João XXIII. 

Ao final da celebração, Dom Beto realizou a abertura da porta santa do ano jubilar de maneira diferente . Como sinal de uma igreja em saída, os fiéis foram convidados a deixar o templo e ocupar a praça, onde foi dada a benção final, símbolo de uma igreja que alimentada pela Eucaristia, agora vai às ruas anunciar o Evangelho. E assim, o ano da Eucaristia deu seu lugar ao ano da Caridade e da Misão, tempo de celebrar o Jubileu de Diamante. 

Foto: Reprodução