Facebook Instagram WhatsApp Twitter

Fé Católica - Sempre Presente

Nossos Parceiros

Parceiros
Parceiros
Parceiros
Parceiros
Parceiros
Parceiros
Parceiros
Parceiros
Parceiros
Parceiros
Parceiros
Parceiros
Parceiros
Parceiros
Parceiros
Parceiros

Colunas

Pastoral

25/01/2017 às 09:01.
PASTORAL

Compreendendo a dinâmica do serviço na igreja

O que é um grupo eclesial? No âmbito pastoral da Igreja católica, a expressão grupo, refere-se aos fiéis que se reúnem, de forma espontânea, com o objetivo de realizar alguma ação religioso-evangelizadora, como rezar juntos, refletir a Palavra de Deus, visitar pessoas enfermas e, como também, com o objetivo de promover a justiça, a paz e a solidariedade humana, em nome da Igreja, e motivada pela fé no Reino de Deus.

O que é um movimento? O movimento é uma realidade eclesial formada por leigos, ministros ordenados e também religiosos e consagrados, enquanto organização específica e não diretamente ligados a uma paróquia ou diocese. Geralmente está sobe a coordenação e direção de um sacerdote, diácono, religiosa, leigo, etc. em nível estadual, regional, nacional e internacional. Os mesmos têm os seus estatutos e regimentos internos aprovados pela Igreja católica, seja em nível diocesano (Igreja local) ou universal (Sé Apostólica). Por exemplo: o movimento dos Focolares, Legião de Maria, Apostolado da Oração, Renovação Carismática, Terço dos Homens, Mãe Rainha, etc., contudo, todos estão a serviço da Igreja e da Evangelização. Esses têm os seus respectivos fundadores e por isso, seus carismas espiritualidades próprios e devem estar em comunhão com toda Igreja de Cristo e a serviço da comunhão e participação de todos.

Protagonismo do leigo na evangelização

“Pois, como em um só corpo temos muitos membros e cada um dos nossos membros tem diferente função, assim nós, embora sejamos muitos, formamos um só corpo em Cristo, e cada um de nós é membro um do outro”. (Rm 12, 4-5).

O Concílio Vaticano II (1962-19659), em sua constituição dogmática Lumen Gentium, sobre a Igreja, traz elementos fundamentais para a compreensão do mistério da Igreja de Cristo. Ele nos ajuda a redescobrir a natureza da Igreja à luz da obra salvífica de Cristo. Segundo o concilio, somos Povo de Deus, com diversas terminologias como: comunhão, participação, colegialidade, diaconia, etc. Estas nomenclaturas são palavras chaves para compreender a Igreja hoje e também, um convite insistente à busca constante de santidade. Os leigos, inseridos no mundo, serão santificados e santificam as realidades terrenas, a partir da vivencia da Palavra de Deus, dos valores humanos e cristãos. Desta maneira são missionários no mundo e agem em nome da Igreja.

Padre Edmundo Almeida dos Santos
Coordenador de Pastoral



Pe. Edimundo Almeida dos Santos Pe. Edimundo Almeida dos Santos